Resenha – Westworld 1×09 “The Well – Tempered Clavier”

Mais uma quantidade grondiosa de acontecimentos fez parte do nono episódio da série, sendo considerado por muitos o melhor episódio da temporada. Tivemos muitas revelações que já se especulava, e algumas reviravoltas inesperadas. Mas, primeiramente, “The Well-Tempered Clavier” (ou “O Cravo Bem Temperado”) é uma coleção de dois livros de música para cravo solo, composta por Johann Sebastian Bach. Cravo, neste contexto, é qualquer instrumento de tecla (pianos, normalmente).

No arco da Maeve, pudemos observar que ela está cada vez mais habilidosa e perspicaz, e que já não responde a nenhum comando de outro andróide. Pelo contrário: é ela quem comanda. Aos poucos ela está recrutando seu “exército” para sair do parque, e o primeiro que ela escolheu, de maneira pouco ortodoxa, foi o escravo sexual do elenco todo: Hector. Uma observação faz-se necessária. A cena do sexo no fogo foi uma das melhores da temporada.

westworld-9d

 

Neste episódio confirmamos que sim, a Dolores estava, de fato, viajando sozinha, e que na verdade a igreja que ela viu com o William estava destruída naquele tempo, que foi alguns anos depois da morte do Arnold. 30 anos antes do atual momento.

As lembranças dela do passado não contam como linha temporal, ela só está lembrando dos fatos, do tempo que ela se encontrava secretamente com o Arnold, que descobrimos ser a versão verdadeira do Bernard, e que já desconfiávamos também. As cenas que viámos no início eram, na verdade, cenas que aconteciam no passado com o Arnold.

westworld-1x08-trailer-trace-decay

São então duas linhas: A do William com a Dolores e a Dolores sozinha, com o posterior encontro dela com o Homem de Preto. No arco dele, está cada vez mais próximo da revelação de que talvez sim, ele seja o William, já que a montagem das cenas culminou para que ele e Dolores se encontrassem em um local aonde já tinham se encontrado antes. E ainda ela, antes que ele pudesse abrir a porta, fala “William?”, mais um indício no roteiro, que está nos fazendo acreditar nesta teoria. E antes disso, tivemos duas cenas de fragilidade do Homem de Preto: a cena da mulher batendo a cabeça dele na pedra e depois da corda no pescoço, além de descobrirmos também que a Charlotte e ele são conhecidos.

Na lembrança de Teddy, antes de ele morrer, a matança de soldados dá espaço a uma matança de “civis”, ou seja, de anfitriões. E talvez Wyatt possa não ser aquele homem que ele via atirando, então não podemos descartar a possiilidade de Wyatt, na verdade, ser Dolores, e que ela pode ter sido a responsável pela falha crítica.

https-%2f%2fblueprint-api-production-s3-amazonaws-com%2fuploads%2fcard%2fimage%2f298281%2ftessa_thompson_as_charlotte_and_ed_harris_as_man_in_black-_cre

Logan, amigo de William, teve  mais espaço no episódio, algumas falas adicionais e um tempo a mais em cena, mas levou a pior novamente. A facada que ele deu na Dolores, entretanto, foi um dos pontos altos do episódio. William conseguiu matar todo o exército que estava ao lado de Logan e saiu atrás da Dolores. Mas antes disso, conseguimos ver uma foto familiar, que apareceu no primeiro episódio, e que foi a razão pela qual o Abenathy começou a apresentar problemas internos. Aquela foto só poderia estar no local em que Abernathy a encontrou se William ou Logan estivessem perto do rancho da família de Dolores, o que não aconteceu. Mais um indício de o Homem de Preto ser William.

Em contrapartida, Stubbs recebeu um sinal de Elsie em um local bem afastado, e tão afastado que o sinal do equipamento não funcionava. Por conta disso, ele não podia controlar os indios que estava prontos para atacar. Ainda restam algumas perguntas, Mas pelo menos grande parte das nossas dúvidas foram sanadas e resultaram num episódio sensacional.

screen-shot-2016-11-28-at-1-15-14-am

No fim do episódio aconteceram dois fatos importantes: a volta de Clementine e o fim do Bernard, que deu um tiro na própria cabeça a mando do Dr. Ford. Isso significa que o Dr. Ford não tem problema nenhum em matar suas criações, mas ele vai ter um pouco de trabalho com Maeve, a não ser que ela já faça parte da sua nova narrativa. Aliás, no arco do Bernard, descobrimos que foi ele que atacou a Elsie. Jeffrey Wright teve destaque neste episódio por sua atuação e entrega ao personagem.

Falta apenas um episódio, e a expectativa está grande. O que você acha que vai acontecer? Comenta aí nos comentários!