Naruto terá mesmo um filme live action ocidental?

Durante a Jump Festa, no mesmo dia que foi anunciado o anime de Boruto também recebemos outra notícia impactante: Naruto ganharia um live action ocidental. Bom, a notícia não chega a ser totalmente nova e nem vem com uma confirmação de que o projeto esteja 100% garantido.

Direitos de Naruto já estão com a Lionsgate desde 2015

Mesmo detendo os direitos, até agora nada realmente havia sido feito. A diferença é que temos Michael Gracey contratado para dirigir, contudo trata-se de um especialista em efeitos visuais, como diretor ainda é iniciante e está filmando seu primeiro longa (estrelado por Zac Efron e Rebecca Fergunson). Por isso, não ouso cravar que a presença de Gracey signifique velocidade para o projeto.

A boa notícia é que Masashi Kishimoto, criador de Naruto, está envolvido no projeto e também vazou uma arte conceitual, que parece mostrar Minato abraçado com Kushina e Naruto sob o olhar da Raposa de Nove Caudas, exibida junto ao anúncio, o que indicaria um avanço na produção.

Por que ainda continuamos com um pé atrás mesmo com este anúncio?

A verdade é que Hollywood não tem costume de adaptar animes e quando o fez não foi com sucesso. Normalmente são processos longos e difíceis de levantar o capital necessário. A título de comparação já tivemos Keanu Reeves ligado como produtor e protagonista para uma versão ocidental de Cowboy Bebop, mas mesmo assim o projeto nunca saiu do papel.

Por isso, considerando que a Lionsgate não é um estúdio que necessariamente nada em dinheiro e Michael Gracey não chega a ser um grande nome, estamos ainda reticentes e um pouco realistas sobre vermos Naruto num live action Hollywoodiano no curto prazo.