Resenha – Rumo Ao Renascimento: Capuz Vermelho\Arsenal: Arruinada e Perigosa

“Desculpa, mas nunca vou ser o herói que você quer que eu seja, mas tenho certeza de que você vai continuar sendo o herói que sempre foi”

Jason Todd e Roy Harper, fazem parte da Morcegos De Aluguel, prestando serviço de heróis na esperança de salvar o dia e fazer um pouco de dinheiro para fechar o mês com uma grana na carteira. Mas o último desafio que eles assumiram pode ser mais difícil ainda, e eles estão trabalhando de graça. Ela chama a si mesma de Filha do Coringa, uma psicopata adolescente que Jason está determinada a salvar de si mesma, da mesma forma que Batman fez com ele.

Capuz Vermelho Arsenal: Arruinada e Perigosa, do escritor Scott Lobdell com o auxílio dos artistas Javier Fernández e Dexter Soy, enviam essa dupla dinâmica numa missão cheia de altos e baixos, colocando a prova até mesmo a amizade dos dois. Mas uma coisa é certa em Gotham, nada permanece enterrado por muito tempo especialmente o passado. Publicado pela editora Panini agora no começa de de abril, no formato de encadernado capa Couché, contendo 132 Páginas em papel LWC, contando as edições Capuz Vermelho/Arsenal # 7-13, mostrando os momentos finais da era dos Novos 52 do Ex-pupilo do Cavaleiro Das Trevas.

O arco começa com uma breve explicação sobre o que era o subterrâneo de Gotham, narradas por Jason enquanto ele procura seu parceiro que no volume anterior foi raptado por monstros de lava juntamente com a Filha do Coringa, eventos mostrados no encadernado “Guerra dos Robins”, a princípio isso pode confundir o leitor que pegou esse encadernado sem ler as edições anteriores publicadas na revista mensal de “A Sombra Do Batman”, mas apesar de começar no volume anterior nada é deixado com pontas soltas, com os eventos sendo relembrados através dos personagens para deixar a história mais clara.

Os roteiros de Scott Lobdell são simples e de ritmo acelerado, tornando a leitura dinâmica e dependendo do leitor bem rápida, a personagem Filha do Coringa, Duela Dent, que até então era uma cópia malfeita da Arlequina, se torna interessante graças ao escritor, com sua loucura acida e mente perturbada transformando a vida dos protagonistas num verdadeiro inferno.

Arruinada e Perigosa, se passa após os eventos de “Caça Aos Titãs”, onde os membros originais da equipe Titãs, recuperam suas memorias perdidas, Lobdell foca mais no psicológico do Arsenal, Roy Harper, enquanto o vigilante relembra de sua antiga equipe batizada de “Mao De Ferro”, durante o tempo que atuou como mercenário após deixar a sombra do Arqueiro Verde, com um único propósito, salvar o mundo, o que não deu muito certo, causando consequências catastróficas para Harper, o que dá o tom para a maior parte da história deste encadernado.

A excelente arte intercalada da dupla Javier Fernández e Dexter Soy é surpreendente, esse volume passa uma sensação dos anos 90, o que alguns podem não apreciar, casando perfeitamente com a temática deste encadernado, com teor mais violento e frio, onde o foco é revelar os traumas psicológicos do passado e mostrar como eles amadureceram durante toda fase dos Novos 52.

A Sombra do Batman Apresenta: Capuz Vermelho & Arsenal: Arruinada e Perigosa é uma boa pedida para quem tem curiosidade para conhecer esses dois personagens divertidíssimos, servindo como base para as futuras revistas do Renascimento como “Titãs” e “Capuz Vermelho e os Foras da Lei”. Com uma história curta e de fácil entendimento para novos leitores ansiosos para a nova fase da DC Comics, planejada para começar a ser publicada agora no final de abril.

Hyader Oliveira

Estudante de Jornalismo e criador do Blog "Tocah Do Coruja", viciado em escrever sobre quadrinhos, cinema e desenhos animados. Por ser um aficionado por esse universo fantástico desde antes de aprender a ler e escrever, sempre quis saber mais sobre meus heróis favoritos garimpando de blog em blog informações e conceitos relacionados a esse universo.