Revisitando – Red Dead Redemption

De onde surgiu?

Lançado originalmente no dia 18 de maio de 2010, a Rockstar Games decidiu inovar os seus jogos e trazer um dos maiores jogos de tempos. O jogo é um sucessor espiritual do esquecido Red Dead Revolver, jogo que foi produzido originalmente pela Capcom e teve seu projeto largado em 2002, porém, a Rockstar viu ali um futuro e comprou os direitos da franquia e começou a produzir o game novamente.

Com o sucesso de GTA IV, a Rockstar decidiu inovar e buscar novos ares, com novas engines, trazer a captura de movimentos com atores reais para o jogo (que era algo inédito até então para a empresa), e com a sétima geração de vídeo games (Xbox 360, PS3 e Wii) em alta na época, a desenvolvedora se viu capaz de trazer aquela experiência do velho-oeste por completo nos consoles.

O jogo rendeu bons frutos para a empresa que conseguiu vender cerca de quatorze milhões de cópias no mundo todo, algo que é muito difícil de acontecer na época.

Porque Red Dead Redemption é um clássico dos games?

Existem poucos jogos da atualidade que podemos chamar de obra de arte em forma de um jogo e Red Dead Redemption é um desses exemplos, com uma ambientação fantástica e um gráfico fora do padrão para a época o jogo traz uma experiência diferenciada se comparada com o seu “irmão” GTA, enquanto GTA 5 é uma cidade cheia de prédios e urbanização, Red Dead Redemption traz a ambientação como seu ponto forte, você pode estar cavalgando no meio do deserto americano do jogo e pode ser atacado por uma pantera, ou até mesmo ver uma donzela em perigo estar sendo atacado por um bando de ladrões, a diversidade do jogo é tão grande que mesmo você terminando a história do jogo, você ainda tem muitas coisas para se fazer.

A história se passa em 1911, o ex-membro de gangue John Marshton quer se redimir da sua vida de crime e para isso o governo dos Estados Unidos quer que ele mesmo faça o serviço sujo e acabe com os membros restantes de sua gangue, em troca sua esposa e filho que ficarão sendo vigiadas por agentes do governo.

Toda a referência de filmes de western estão ali no jogo, desde a trilha sonora do jogo que é muito inspirado em filmes de Sérgio Leone e sua trilogia de filmes Três Homens e Conflito, O Bom, o Mal e o Feio e O Bom, o Mal e o Vilão, até mesmos cenas cotidianas que aconteciam muito em filmes, como ditas um pouco mais acima.

A trajetória de redenção do nosso “herói” é o grande ponto alto do jogo, onde o personagem tenta apagar o seu passado de qualquer jeito para poder viver uma nova vida sem arranjar problema para ninguém e apenas ter a sua fazenda e viver como um fazendeiro, toda essa trajetória de descoberta termina com um dos finais mais impactantes e corajosos da história dos jogos.

Red Dead Redemption é um jogo obrigatório para quem quer um jogo com uma história fantástica, personagens excelentes e gráficos de altíssima qualidade que deixa muitos jogos atuais no chinelo pela alta qualidade.

O que esperar de Red Dead Redemption 2?

No dia 20 de Outubro de 2016 a Rockstar Games lançou o primeiro trailer de Red Dead Redemption 2 e mesmo sem mostrar nada do jogo, você já sabia do que se tratava, tanto pela ambientação que já se tornou própria da franquia, como também a trilha sonora.

Já no dia 27 de Setembro de 2017 a desenvolvedora nos presenteou um trailer apresentando o protagonista Arthur Morgan como um membro da gangue de Dutch Van der Linde, e mostrando ser um prelúdio do primeiro jogo, onde provavelmente teremos a aparição de John Marston mais novo no jogo, mostrando um pouco do passado dele, a expectativa é alta, e tem de tudo para ser tão bom quanto o primeiro jogo.